5 super alimentos para você adicionar à sua alimentação

Publicado em: 26/12/2018

Super alimentos – eles existem mesmo?

salada colorida

Existem alguns alimentos que são muito mais saudáveis e completos que a maioria. São alimentos com proteína de alto valor biológico, com as principais vitaminas e minerais, além de substâncias muito importantes para uma saúde de ferro.

É óbvio que todos os alimentos ditos como “Super Alimentos” são, ou precisam estar, em sua forma natural (in natura) para que sejam realmente benéficos à saúde. Os alimentos processados ou que estão guardados há muito tempo, perdem muitas propriedades, há quem diga que é melhor comer vegetais ainda antes de amadurecer, para diminuir a ingestão da frutose – no caso das frutas.

Esta lista será apenas com alimentos mais populares, eliminando frutas e vegetais exóticos de mais difícil acesso.

Então, vamos conhecer alguns “super alimentos” que você deve adicionar à sua alimentação:

OVO

Dê preferência aos ovos de galinha orgânica – aquela que está solta em terreno e pode viver em um habitat mais natural possível, tendo uma alimentação variada, além de comer insetos e pequenos animais como minhocas. Um ovo orgânico pode conter até 3 vezes mais Ômega 3 e betacaroteno que o ovo de galinha de granja – ovos brancos comuns. E, obviamente, muito mais vitaminas e minerais, incluindo a vitamina D.

O ovo contém os principais elementos para gerar uma vida, afinal, é de lá que nasce um novo ser. Por esse motivo, os ovos são muito ricos em muitas substâncias fundamentais ao corpo, podemos listar algumas: Vitaminas A, D, K, B2, B5 e B12; e minerais, como o potássio, fósforo, selênio e mais outros. Além disso, como citado acima, contém Ômega 3 – um importante lipídio que age em muitas funções do nosso corpo. É uma ótima fonte de zeaxantina e luteína, substâncias muito importantes para a saúde dos olhos. E uma proteína de alto valor biológico.

Você pode consumir os ovos de granja, mas sabendo que o valor nutricional é inferior. Mas é uma alternativa mais barata e acessível.

COCO

coco verde

O coco e a sua água são alimentos que estão sendo muito estudados nos últimos anos. Suas propriedades vão muito além do que algumas vitaminas, minerais e boa gordura. Existem povoados mais distantes que têm em sua alimentação o consumo maior de coco em seu cotidiano, e praticamente não existem doentes com as principais e mais graves doenças que vêm crescendo nos últimos anos: diabetes, infarto, AVC, câncer e até mesmo a inibição do HIV para AIDS.

A água de coco também é muito saudável, rica em potássio, auxilia contra a pressão alta e no equilíbrio hídrico do corpo. Também ajuda na limpeza e saúde dos rins, controle do colesterol e a desintoxicar o corpo – ajudando a eliminar substâncias nocivas ao organismo.

Tanto a poupa, quanto a água e o óleo, são ricos em gordura boa para ao organismo, trazendo tantos benefícios que precisaria de muitos artigos para explicar cada um deles. Inclua o coco em sua alimentação, prefira o coco fresco, aquele verde com água dentro, tome sua água e coma a poupa.

ALHO

O alho pode ser um dos mais poderosos temperos que usamos aqui no Brasil. Muitos já conhecem o seu poder contra resfriados e inflamações. Isso é verdade, o alho contém substâncias que atuam diretamente contra bactérias e vírus, fortalecendo o sistema imunológico e combatendo inflamações por todo o corpo.

Sim, o alho é um poderoso anti-inflamatório e um poderoso antibiótico natural, tendo poder contra 14 tipos de bactérias. Mas atenção: para maior proveito das substâncias antibióticas e anti-inflamatórias, o alho deve ser consumido cru, uma vez aquecido, perderá suas principais propriedades antibacterianas. Vale lembrar que é muito recomendado que use-o com aquela casquinha que o envolve, já que ela também possui nutrientes importantes.

O alho tem um grande poder contra tumores, ajuda a prevenir muitos tipos de câncer se for consumido frequentemente. Segue algumas das doenças que podem sem evitadas ou tratadas com o alho: ácido úrico; abscessos; bronquite; inflamação na bexiga; aterosclerose; asma; dores no estômago; dor de garganta; inflamações em geral; diabetes; derrame cerebral; limpeza do sangue; colesterol alto; insônia; pressão alta; furúnculo; febre; resfriado; rinite; sinusite; tosse e muitas outras.

ABACATE

abacate

O abacate é uma das melhores frutas que você pode consumir, é uma fruta muito diferente da maioria por suas propriedades e a boa gordura que tem. O abacate é fonte de vitamina A, E, B1, B2, gorduras monoinsaturadas, Cálcio, Ferro, Fósforo e Magnésio. Também é rico em glutationa – o antioxidante mais poderoso que existe no organismo humano.

Sua boa gordura ajuda a diminuir as taxas do mau colesterol (LDL) e aumentar as taxas do bom colesterol (HDL). Isso ajuda a prevenir doenças no coração e derrame. Essa gordura é muito boa para o cérebro e vários órgão que se beneficiarão juntamente.

O que faz do abacate um Super Alimento ou até mesmo uma super fruta, é o fato de ser mais pobre em açúcar e mais rico em gordura boa, além do fato de ter vitaminas e minerais importantes para o corpo. E compõe muito bem o café da manhã por ser uma boa fonte de gordura boa e nutrientes importantes.

CRUCÍFERAS

Esse aqui não é exatamente um alimento, mas uma classe de alimentos: os vegetais crucíferos, do gênero Brassica.

Lista dos principais vegetais crucíferos:

  • Couve
  • Brócolis
  • Agrião
  • Repolho
  • Rúcula
  • Nabo
  • Couve-flor
  • Acelga
  • Couve-de-bruxelas
  • Mostarda
  • Rabanete

As crucíferas têm muitos benefícios à saúde, principalmente no combate a alguns tipos de câncer: mama, cólon, bexiga, próstata, pulmão e tireoide. Isso deve-se à presença do isotiocianato, substância que impede as células de manifestarem o gene do câncer.

No geral, as crucíferas são folhas, elas possuem uma concentração muito boa de cálcio, ferro e vitamina A. O cálcio das crucíferas é muito bem aceito pelo organismo – ao contrário do cálcio presente no leite de gado. O ferro ajuda no combate da anemia, uma doença muito séria se não tratada, podendo ocasionar baixo desempenho geral do corpo. E a vitamina A que é muito importante para a saúde dos olhos e pele.

As folhas contêm um componente muito importante na alimentação: as fibras. As fibras são improntantes para a digestão, elas absorvem o excesso de gordura ingerida na alimentação, absorve a glicose para liberá-la aos poucos durante o processo de digestão e evitar picos de glicemia – diminuindo os picos de insulina e tardando a fome, mas também diminuindo a resistência insulínica, o que ajuda na prevenção da diabetes tipo 2. As fibras ajudam na limpeza do intestino e na formação das fezes, diminuindo o volume abdominal e problemas de constipação.

Evite o excesso das crucíferas, assim como o excesso de qualquer alimento. “A diferença entre o veneno e o remédio é a dose.” – Roger Stankewski

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar essas tags html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>