Frutas que ajudam na ansiedade e depressão

Publicado em: 17/06/2019

A ansiedade e a depressão estão cada vez mais presentes em nossa vida, além de outros transtornos semelhantes, diminuindo o nosso desempenho e até invalidando algumas pessoas para executar suas respectivas funções no trabalho.

Esses problemas podem iniciar por fatores emocionais e causar sintomas físicos, como mal-estar, fome excessiva, indisposição, dificuldade para dormir, desconforto intestinal, dor de cabeça…

Alguns sintomas psicológicos também podem ser sentidos: falta de concentração, irritabilidade, tristeza, desânimo. Em casos mais sérios, podem haver isolamento e tendência suicida.

Frutas combatem ansiedade e depressão?

Algumas frutas contêm aminoácidos, minerais, ômega 3 (comprar), vitaminas e triptofano que atuam diretamente no sistema nervoso, combatendo o estresse e a ansiedade, aumentando os níveis de serotonina no sangue, hormônio responsável pela sensação de bem-estar. Isso auxilia no tratamento à depressão.

Mas é necessário diminuir o consumo de alimentos ricos em açúcar e farinha branca, conhecidos como “caloria vazia”, que são alimentos que têm muito mais açúcar ou gordura ruim do que nutrientes como vitaminas e minerais (comprar suplemento).

Quais são as frutas que auxiliam no tratamento da depressão?

Frutas cítricas

Elas são ricas em vitamina C (comprar), ela diminui o cortisol no corpo, ele é conhecido como o hormônio do estresse. Quando está em circulação no sangue, transmite ao corpo a sensação de tensão.

Como a vitamina C diminui os níveis de cortisol no sangue, automaticamente ajuda no tratamento da ansiedade e depressão, já que alivia o sistema nervoso, promovendo bem-estar e relaxamento. Agregue ao menos uma fruta cítrica à sua dieta diária.

As principais frutas cítricas e semi-ácidas são:

  • abacaxi;
  • acerola;
  • ameixa;
  • amora;
  • caju;
  • cidra;
  • cupuaçu;
  • framboesa;
  • groselha;
  • jabuticaba;
  • laranja;
  • lima;
  • limão;
  • morango;
  • pêssego;
  • romã;
  • tamarindo;
  • tangerina;
  • mexerica;
  • uva;
  • caqui;
  • maçã verde;
  • maracujá;
  • goiaba;
  • pera;
  • carambola.

Banana

Banana e cereal

Segundo um estudo feito pelo Instituto de Pesquisas de Alimentos e Nutrição das Filipinas comprovou que a banana é uma ótima aliada no combate à depressão e qualquer tipo de ansiedade. Isso se dá por conta do triptofano encontrado na fruta, que ajuda na produção da serotonina, causando bem-estar geral.

Também tem Magnésio (comprar), ele ajuda no relaxamento muscular e melhorar a qualidade do sono — algo muito importante para quem sofre de ansiedade.

Abacate

Rico em ômega 3, o abacate é um ótimo aliado à saúde do cérebro. O nosso cérebro precisa muito desse lipídio, não só ele, mas vários órgãos e substâncias do corpo.

Aumentando a saúde do cérebro, os problemas psicológicos e psicossomáticos podem ser prevenidos ou amenizados, já que ele está mais resistente e saudável.

Bônus — Chocolate amargo

Não é uma fruta, mas é derivado de uma, o cacau. O chocolate amargo — tem que ser amargo, 70% ou mais — é um excelente alimento para agregar à nossa dieta. Em especial, ele contém Triptofano. Como eu já expliquei acima, a substância ajuda na produção da serotonina, um importante hormônio para o bem-estar e combate ao estresse.

Eu sei que o chocolate comum pode trazer um bem-estar maravilhoso, mas ele tem muito açúcar, o que pode acabar sendo um gol contra, pois já sabemos que carboidratos simples não nos faz nenhum bem.

Quais alimentos pioram a ansiedade?

  • Arroz branco;
  • macarrão
  • alimentos feitos com farinha de trigo;
  • bebidas alcoólicas;
  • café;
  • refrigerantes e bebidas de caixinha;
  • embutidos (salsicha, linguiça, presunto, mortadela);
  • fast food;
  • alimentos com conservantes (industrializados);
  • guloseimas;
  • açúcar refinado (tente não adoçar bebidas).

Atividade física é importante?

Sim! Assim como uma boa alimentação, a atividade física é muito importante no combate à ansiedade e à depressão, além da saúde geral do corpo.

Procure adicionar algum esporte, academia, dança, caminhada ou qualquer atividade que faça o seu corpo se mexer e suar. É comprovado que atividades físicas de qualquer natureza facilitam a liberação de hormônios que causam bem-estar. Além de manter o peso ideal e os níveis recomendados de colesterol e glicose no sangue.

Siga algumas dessas dicas e adicione a positividade em sua vida, você terá sucesso na prevenção ou recuperação de uma depressão ou transtorno de ansiedade.

Não deixe de consultar um médico para avaliação e tratamento do seu problema. Não se automedique.

Vídeo: Alimentos que combatem a depressão


Fonte: Dr. Dayan Siebra

Siga o G+ no Facebook e fique ligado nas novidades!



Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar essas tags html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>